Fale Conosco           

       

Há sessenta anos, os Salvatorianos chegavam à Venezuela, onde agora estão presentes em três lugares: Caracas, San Félix e Mérida. Em Caracas eles têm um importante histórico de apostolados sociais, especialmente em Catia, uma imensa favela, situada em um dos íngremes morros dos arredores da grande cidade e considerada como um dos lugares mais perigosos do mundo, os nossos confrades criaram quatro escolas, um dispensário com uma clínica móvel, e dois abrigos para crianças.

Um dos trabalhos de sucesso dos Salvatorianos em Catia é uma escola primária e secundária chamada La Constancia. A mesma foi equipada com um salão polivalente, uma área de esportes e laboratórios.

As duas “Casas Hogares” - casas em Catia para crianças de rua e jovens abandonados – foram criadas há mais de dez anos. A El Encuentro acolhe rapazes de 4 a 14 anos, enquanto El Timón de 15 a 21 anos. Juntas, as duas casas Salvatorianas são refúgio para cerca de 30 menores e adolescentes. Nossos confrades lhes permitem viver, estudar e crescer em um ambiente familiar e saudável, com valores cristãos de paz, dignidade e respeito mútuo. De fato, caso contrário, as crianças não teriam onde ficar, exceto pelas ruas, onde são presas fáceis para gangues envolvidas com drogas, crimes e violência. Nossos confrades administram os dois abrigos, apesar das dificuldades econômicas.

Nos últimos anos, nas instalações da Igreja do Santo Cristo, na favela de Catia, nossos confrades iniciaram um projeto de arte e cultura. Pe. Luis Domingo Díaz o gerencia com sucesso, organizando oficinas e cursos artísticos, culturais e esportivos para meninos e meninas que vivem nesta área mais carente e densamente povoada de Caracas. Desta forma, essas crianças marginalizadas podem buscar realizar seus sonhos e nutrir seus potenciais. As várias atividades que são regularmente oferecidas - música, dança, desenho, teatro, futebol e voleibol - trazem novas possibilidades para a vida das crianças, mantendo-as fora das ruas e ajudando-as a fortalecer sua autoestima, confiança e disciplina. A oportunidade de exercer e disfrutar dessas atividades, de viver momentos de alegria e de companheirismo, já inspirou muitas crianças que agora estão cientes de seus talentos e começaram a colocar suas novas habilidades ao serviço de sua comunidade.

Como com todas as iniciativas sociais, os recursos humanos e financeiros são fundamentais. Enquanto as Irmãs Missionárias de São Pedro Claver e seus benfeitores doavam generosamente subsídios para o projeto de arte e cultura através da SOFIA, o escritório austríaco da Missão Salvatoriana levantou financiamento adicional. No entanto, nenhuma atividade seria possível sem a dedicação da comunidade salvatoriana local e o compromisso e inspiração dos talentosos formadores jovens de Catia.

Como o projeto é um belo meio de evangelização através da arte, nossos confrades estão em processo de desenvolvimento de projetos semelhantes em Mérida e San Félix, que serão lançados em 2017. SOFIA está ansiosa para apoiá-los!

1024pict0053
1024P1110248
1024P1110128
1024IMG9897
1024IMG9886
1024IMG9885crop
1024IMG9783crop
1024IMG9868crop
1024IMG0116
1024DSC0382
1024DSC0305
1024DSC0289
1024DSC0283
1024DSC0260

Franciscus Jordan

A

juda-me, Senhor, mostra-me os caminhos! Sem Ti nada posso. Espero tudo de Ti. Esperei em Ti, Senhor, não serei confundido para sempre.

Salvatorianos no Mundo

Albânia  Alemanha  Austrália  Áustria  Belarus  Bélgica  Brasil  
Camarões  Canadá  Colômbia  Comores Congo  Equador  
Escócia  Eslováquia  Espanha  Estados_Unidos  Filipinas  
Guatemala  Hungria  Índia  Inglaterra  Irlanda  Itália  México  
Moçambique  Montenegro  Polônia  República_Checa  Romênia  
Rússia  Sri_Lanka  Suíça  Suriname  Taiwan  
Tanzânia  Ucrânia  Venezuela